Caraúbas-PB, quarta-feira, 18 de outubro de 2017 . | | | | | Facebook twitter webmail instagran youtube

PLANEJAMENTO APRESENTA PROJETO ARQUITETÔNICO DOS PÓRTICOS DE ENTRADA DA CIDADE

quinta-feira, 31 de agosto de 2017

PLANEJAMENTO APRESENTA PROJETO ARQUITETÔNICO DOS PÓRTICOS DE ENTRADA DA CIDADE

A Secretaria do Planejamento, Comunicação Institucional e Gestão apresentou no mês de maio do corrente, o Projeto Arquitetônico dos Pórticos de Entrada da cidade de Caraúbas. Com recursos garantidos junto ao Ministério do Turismo através de Emenda Parlamentar do senador José Maranhão no valor de R$ 304.000,00 (Trezentos e Quatro Mil Reais), o contrato de repasse encontra-se em clausula suspensiva junto a Caixa Econômica Federal.
Em parceria com a Secretaria da Educação foi realizado um concurso público com os alunos da rede municipal e estadual de ensino do município para elaboração dos desenhos dos pórticos. Foram inscritos 105 (cento e cinco) desenhos dentre os quais 03 (três) foram selecionados, classificados e julgados por uma comissão organizadora escolhida pela secretaria da Educação. 
Foram escolhidos e classificados os desenhos das alunas Débora Fernandes de 11 anos da Escola Alice Jorge da Silva, Lívia Milena, de 14 anos e de Vitória Sabrina dos Santos Silva, de 17 anos, da Escola Estadual Coronel Serveliano de Farias Castro. 
O projeto foi desenvolvido e apresentado pelas arquitetas Izabel Leite e Caroline Carneiro, especialistas em projetos arquitetônicos urbanos contratadas pelo município para elaboração do mesmo.
O prefeito Silvano Dudu esteve presente à solenidade junto com vários secretários municipais e assessores da Prefeitura. Ele disse que ficou feliz com a proposta apresentada, haja vista, a arquitetura moderna e bonita elaborada pelas profissionais. Aproveitou o momento para parabenizar a todos os alunos da rede municipal e estadual da cidade que demonstraram interesse participando dos desenhos dos portais, os quais serão homenageados com a aposição dos desenhos e com uma premiação individual.
O próximo passo agora é a elaboração do projeto de engenharia com quantitativos e custos para encaminhar a GIGOV/CEF para aprovação e solicitação de liberação recursos junto ao Ministério do Turismo como órgão Gestor responsável pelos recursos.

Fonte: SEPLACOM
Foto: Eduardo Belo