Caraúbas-PB, terça-feira, 13 de novembro de 2018 . | | | | | Facebook twitter webmail instagran youtube

CEMITÉRIOS DE CARAÚBAS E BARREIRAS DEVEM RECEBER CENTENAS DE PESSOAS NESTE DIA DE FINADOS

sexta-feira, 2 de novembro de 2018

CEMITÉRIOS DE CARAÚBAS E BARREIRAS DEVEM RECEBER CENTENAS DE PESSOAS NESTE DIA DE FINADOS

Nesta sexta-feira, dia 2/11, se comemora o dia de finados em todo o país. Por ser um feriado nacional, as famílias devem aproveitar este momento para visitar os cemitérios públicos onde tem seus entes queridos sepultados. Em Caraúbas, diferentemente de anos anteriores, os espaços foram preparados com bastante antecedência e estão sendo monitorados pela SOPSUR.
De acordo com o secretário de Obras Públicas e Serviços Urbanos, José Marcelo Neves, foram realizadas várias atividades nos dois cemitérios públicos da cidade de Caraúbas e do Distrito de Barreiras. Efetuamos a limpeza de ambos com bastante antecedência para evitar problemas de última hora, disse Marcelo.
Foram realizadas pinturas na parte interna e externa do cemitério, e diferentemente de anos anteriores o muro frontal dispõe de uma nova pintura com a colocação de imagens que remetem há um lugar sagrado, afirmou o secretário. Sabemos das dificuldades do poder público em manter um local como os cemitérios públicos, pois, ainda se tem a cultura de se não alterar a infraestrutura desses locais. Temos dificuldades pela falta de espaço que hoje é uma realidade. Mas já passamos a demanda para o prefeito Silvano Dudu que deverá adotar medidas para reestruturar os dois cemitérios, concluiu Marcelo;
De acordo com a programação repassada a SEPLACOM haverá celebração de uma missa em frente ao cemitério público São Pedro, em Caraúbas, às 6h., e uma outra as 10h30min., no cemitério do Distrito de Barreiras. Ambas serão celebradas pelo Padre Gustavo Ferreira.
O dia também deve ser aproveitado para a comercialização de flores, arranjos, jarros e velas. O comércio se programou para esta data, o que deve ocorrer um incremento na venda de artigos religiosos e artesanais.

Fonte: SEPLACOM
Foto: Miguel Filho